Postado em 07/08/2017

A Pista de Pouso para Aviões de São João do Piauí está recebendo melhorias

Uma nova estrutura para o conforto e segurança

placeholder+image

Segue em ritmo acelerado à reforma e ampliação da pista de pouso de aviões de São João do Piauí, que está sendo ampliada de 800 para 1.100 metros com melhorias na estrutura de suas cercas, na “casa dos pilotos” e demais espaços, a obra está sendo realizada pelo Governo do Estado, através da Setrans, em parceria com a Prefeitura Municipal, está orçada em R$ 2.570.472,44, consiste na reforma e ampliação da pista de pouso e decolagem com pavimentação asfáltica, cerca de proteção, terminal de passageiros, pista de táxi e pátio de estacionamento de aeronaves, com previsão de conclusão para o segundo semestre de 2017.

A Pista de Pouso e decolagem receberá um recapeamento especial, será construída uma nova casa de passageiros para descanso dos pilotos das aeronaves e a pista também receberá iluminação especial, que permitirá pousos e decolagens à noite.

A reforma proporcionará um incentivo ao desenvolvimento do turismo e empreendimentos em São João do Piauí e região. Para o Prefeito Gil Carlos. “Somos uma cidade pólo de negócios, capital do cultivo da uva no Estado, temos grandes investimentos em energia solar, de modo que a reforma e ampliação da pista de pouso e decolagem facilitará a logística dos empreendimentos, que estão sendo instalados na cidade e na região, inclusive, dinamizará mais o processo de contratação de grandes atrações musicais para os eventos festivos de nossa cidade. Pontua.

Para o Governador Wellington Dias, o novo aeroporto de São João vai complementar a malha viária do Estado, interligando todos os territórios. "Estamos trabalhando para interligar todos os 1500 km do Piauí (de uma ponta à outra) com aeroportos como o de Parnaíba, São Raimundo Nonato, Picos, Floriano. São aeroportos e aeródromos de 1.400 a 1.600 metros de pista. Eles permitem pouso de até mesmo um avião ATR 72 (com capacidade para 70 pessoas). Além de transportar pessoas, esses aeroportos integram a política de saúde, facilitam o acesso com o Samu e encurtam as distâncias", destacou em recente entrevista ao Portal do Governo do Estado.

Redação: Zé Antônio Zãn 

Comente »

Recadastramento